fbpx
Compartilhe :

Jornada do colaborador: saiba o que é e como funciona

A jornada do colaborador é um conceito cada vez mais relevante no mundo corporativo atual.

Isso porque se refere à trajetória que um funcionário percorre, desde candidatura a uma vaga na empresa até o fim de seu contrato ou até sua aposentadoria.

Se você é um líder empresarial, deve entender que a jornada do colaborador é crucial para garantir que a equipe esteja motivada e contribuir com o sucesso da empresa.

Neste artigo, vamos explorar detalhadamente o que é a jornada do colaborador e por que é tão importante para a empresa. Continue a leitura!

O que é jornada do colaborador?

A jornada do colaborador é o conjunto de experiências e interações que um funcionário tem durante seu tempo de trabalho na empresa, desde o primeiro contato com a organização até o seu desligamento.

Esse conceito se tornou cada vez mais importante para as empresas, já que perceberam que essa jornada é uma peça-chave para aumentar a produtividade e engajamento de seus colaboradores.

Portanto, a jornada do colaborador tem diferentes etapas: recrutamento, seleção, integração, desenvolvimento, avaliação de desempenho, reconhecimento e desligamento. Veremos mais informações seguir.

Cada uma é fundamental para garantir que o funcionário esteja alinhado aos valores, missão e cultura da empresa, além de se sentir valorizado e motivado.

Sendo assim, é importante que as empresas invistam nesse conceito para atrair e reter talentos, além de melhorar sua imagem no mercado.

Quais as etapas da jornada do colaborador?

Conforme mencionamos mais acima, a jornada do colaborador é uma série de etapas que começa desde a atração de talentos até o desligamento do colaborador da empresa.

Cada etapa é importante para a empresa ter funcionários engajados e mais produtivos, além de melhorar a experiência de trabalho do colaborador.

Portanto, conheça quais são as principais etapas da jornada do colaborador.

Recrutamento

A primeira etapa da jornada do colaborador é o recrutamento, o processo de busca de talentos para a empresa.

O objetivo é atrair perfis adequados que se identifiquem com a cultura organizacional. Isso pode ser feito por meio de anúncios em sites de emprego, bem como por redes sociais, indicações de funcionários, entre outros.

É importante que as descrições das vagas sejam claras e objetivas, para os candidatos saberem exatamente quais são as habilidades e experiências necessárias para se candidatarem.

Seleção

Nessa etapa os candidatos passam por entrevistas, testes e outras avaliações para determinar se têm o perfil da empresa.

Sendo assim, o intuito é encontrar um colaborador que se encaixe na cultura organizacional e que tenha as habilidades necessárias para desempenhar a função.

É importante que os critérios de seleção sejam definidos previamente, para que todos os candidatos sejam avaliados de forma justa e imparcial.

Integração

A integração é fundamental para que o colaborador se adapte à empresa e ao seu ambiente de trabalho.

Nesse momento, o funcionário conhece a equipe e a cultura da empresa, e recebe treinamentos e orientações sobre o seu trabalho.

Ou seja, isso inclui a apresentação da cultura organizacional, a definição de expectativas, treinamentos e a integração com a equipe.

Deste modo, é importante que o processo de integração tenha uma boa estrutura, para que o novo colaborador se sinta acolhido e entenda bem como a empresa funciona.

Desenvolvimento

Na etapa de desenvolvimento, o colaborador recebe treinamentos, capacitações e orientações para aprimorar suas habilidades e conhecimentos, além de ter oportunidades de crescimento na empresa.

Portanto, o desenvolvimento deve ser diferente para atender às necessidades e interesses do colaborador, assim, ele pode se sentir valorizado e motivado a crescer na empresa.

Avaliação de desempenho

Essa é uma das etapas mais importantes para avaliar a performance do colaborador e verificar se ele está cumprindo as metas e objetivos estabelecidos pela empresa.

Esse processo ajuda a identificar pontos de melhoria e a desenvolver um plano de ação para melhorar o desempenho do colaborador.

Há diversas formas de realizar a avaliação como as periódicas, feedbacks contínuos, 360 graus (avaliação feita por colegas, subordinados e superiores hierárquicos), entre outras.

Dessa forma, é fundamental que a avaliação justa e objetiva, para o colaborador receber um feedback construtivo e entender o que precisa melhorar e quais áreas está indo bem.

Reconhecimento

O reconhecimento é uma etapa importante para motivar o colaborador, isto é, refere-se à valorização e ao reconhecimento do trabalho do profissional.

Logo, esta ação pode acontecer por meio de feedbacks positivos, promoções, bonificações, elogios, outras formas de reconhecimento.

Ademais, o reconhecimento deve ser de forma consistente e justa, para que todos os colaboradores se sintam motivados a se esforçar e a contribuir com o sucesso da empresa.

Desligamento

A etapa final da jornada do colaborador é o desligamento, que pode ser tanto voluntário quanto involuntário, isto é, como término de contrato, demissão, aposentadoria, entre outros.

Nesse momento, é importante que a empresa conduza o processo de forma transparente e respeitosa, mantendo, a fim de manter uma boa relação com o colaborador mesmo após o desligamento.

Sendo assim, isso pode incluir feedbacks construtivos, apoio no processo de transição e uma despedida adequada.

Como melhorar a experiência do colaborador?

Melhorar a experiência do colaborador é essencial para manter uma equipe engajada e motivada, além de contribuir para a retenção de talentos na empresa.

É fato que cada empresa e cada equipe têm suas particularidades e necessidades específicas, por isso, é importante adaptar as ações conforme o contexto e os objetivos da empresa.

Sendo assim, veja a seguir algumas opções que listamos que podem contribuir para proporcionar uma jornada positiva.

Invista na comunicação interna

Uma comunicação clara e eficiente é fundamental para manter os colaboradores informados e engajados com a empresa.

Ofereça oportunidades de desenvolvimento

Investir na capacitação dos colaboradores é uma forma de valorizá-los e contribuir para o crescimento da equipe e da empresa.

Estimule a colaboração e o trabalho em equipe

Um ambiente colaborativo e cooperativo é essencial para uma jornada positiva do colaborador. Estimule a participação em projetos em equipe, promova atividades de integração e a troca de conhecimentos.

Ofereça benefícios e incentivos

Essa é uma ótima forma de valorizar o trabalho dos colaboradores e contribuir para sua motivação e qualidade de vida.

Promova um ambiente saudável e seguro

Promova ações que estimulem a saúde e o bem-estar, como ginástica laboral e atividades de lazer e garanta que as condições de trabalho sejam seguras e saudáveis.

Valorize o feedback

O feedback é uma ferramenta importante para ajudar os colaboradores a entender seus pontos fortes e a identificar áreas de melhoria.

Promova a diversidade e a inclusão

Garanta que todos os colaboradores sejam respeitados com igualdade, independentemente de suas características pessoais. Além disso, estimule a diversidade de ideias e perspectivas para promover a inovação.

Ao longo deste texto, pudemos compreender a importância da jornada do colaborador e como cada etapa dessa jornada pode impactar na motivação, engajamento e retenção de talentos na empresa.

Desta forma, ao promover uma jornada positiva do colaborador, as empresas podem contribuir para a satisfação dos colaboradores e para o sucesso da empresa como um todo.

Para conferir mais artigos e informações sobre assuntos relacionados à gestão de pessoas e ao desenvolvimento de equipes, acesse nosso blog.

Ou se preferir, entre em contato com nossa equipe e esclareça possíveis dúvidas.