fbpx
Compartilhe :

Aprenda a como reduzir a inadimplência da sua empresa

Atualmente, muitas empresas estão endividadas, seja por conta da crise ou débitos acumulados. A verdade, é que ainda existe muita dificuldade para reduzir a inadimplência.

Para se ter uma noção, em 2021, o número de brasileiros endividados chegou a 63 milhões, quase 30% da população, segundo a Serasa Experian.

Isto é, se livrar das dívidas não é fácil e quando diz respeito a empresas, é mais complicado. A saúde financeira sofre prejuízos e isso impede o crescimento do negócio.

Portanto, se a sua empresa também se encontra nessa situação, neste artigo da Talst Contabilidade, descubra algumas dicas para reduzir a inadimplência da sua empresa. Continue a leitura!

 

Quais são as causas da inadimplência?

A inadimplência nas empresas acontece por vários motivos ligados a fatores externos, como a economia, política e afins.

E fatores internos, no caso, a falta de gestão financeira, excesso de parcelamentos e outros – questões que as empresas têm maior controle.

É imprescindível o dono do negócio ter atenção a esses pontos e trabalhar para corrigir esses erros, e assim, não comprometer ainda mais o fluxo de caixa.

 

Quais são os impactos da inadimplência?

De fato, nem sempre é possível prever alguns imprevistos, todavia a empresa deve estar preparada para lidar com situações de emergência que podem sair do controle.

A inadimplência é a consequência de várias delas que prejudicam os resultados, já que compromete a gestão financeira, o pagamento de fornecedores e funcionários.

As chances do empreendedor recorrer a empréstimos é grande, entretanto, os recursos permanecerão escassos e os desafios cada vez mais difíceis de enfrentar.

Sendo assim, manter um negócio com pouco lucro e muito gasto torna-se inviável e pode ocasionar no decreto de falência.

Desta forma, é fundamental evitar ou reduzir a inadimplência para esse tipo de situação não ocorrer. Por isso, veja o que fazer a seguir.

 

Dicas para reduzir a inadimplência

Para manter o controle financeiro e não prejudicar os resultados, reduzir a inadimplência é importante, assim como, colocar em prática algumas ações específicas.

Pensando nisso, separamos algumas dicas para ajudar sua empresa a se manter com as contas em dia e alavancar o financeiro. Confira!

 

Evite atrasos nos pagamentos das contas

Manter o pagamento das contas em dia é a principal regra para evitar ou reduzir a inadimplência. Não pagar as contas corretamente pode gerar juros altos, multas e a negativação.

Ainda assim, a empresa pode ter dificuldades para conseguir crédito e investir no desenvolvimento de negócio.

Por esse motivo, pagar as contas em dia deve ser prioridade, bem como o pagamento dos fornecedores, funcionários e cumprir as obrigações acessórias de maneira adequada.

Para isso, você tem o apoio da Talst Contabilidade para organizar a rotina contábil e manter em dia o pagamento dos tributos. Saiba mais! 

 

Cobre os clientes atrasados

Como falamos no início, existem vários motivos para ocorrer a inadimplência, da mesma forma para o atraso do pagamento dos clientes.

É importante saber que não há nada de errado em cobrar, contanto que seja do jeito certo, afinal seu objetivo é receber, mesmo que com atraso.

Além disso, você deve entender que é necessário estabelecer uma política adequada de cobrança para não expor seu cliente e ainda garantir que ele continue comprando.

Assim, ao mesmo tempo que o dinheiro entra no caixa, é possível manter o controle das finanças da sua empresa e, à vista disso, diminuir os débitos.

 

Negocie o pagamento das dívidas

Negociar é sempre uma boa alternativa para conseguir boas condições de pagamento e se livrar das dívidas.

Mesmo com alto juros – causa do endividamento dos brasileiros – é possível reduzir os débitos em aberto negociando a quantidade de parcelas, prazo e o juros.

No entanto, é importante analisar bem as propostas antes de finalizar o acordo, assim, você pode evitar que a sua empresa corra riscos.

Tenha em mente que pegar um empréstimo para quitar de uma vez nem sempre é vantajoso, uma vez que pode comprometer o financeiro e agravar o problema.

Deste modo, uma opção relevante é ter uma reserva financeira para lidar com esse tipo de situação. Esse é o nosso próximo tópico, acompanhe a leitura!

 

Tenha uma reserva financeira

Você deve estar pensando: “como criar uma reserva financeira, se minha empresa está endividada”. Calma! Existem vários meios para poupar dinheiro e pagar as dívidas.

O primeiro passo é cortar custos e despesas a fim de conseguir um montante para equilibrar as contas. Sendo assim, elimine despesas supérfluas e reduza a compra de itens de escritório.

Outra dica para considerar é trocar o plano de internet por um mais em conta e economizar água e energia para reduzir o valor da conta.

Por fim, estabeleça metas mensais de quanto precisa arrecadar por mês para a reserva financeira, e assim, quitar a dívida toda.

Além disso, vale a pena envolver os colaboradores nas práticas de redução de custos para alcançar o objetivo definido mais rápido.

 

Automatize os processos

Toda empresa precisa de um sistema de gestão para manter o controle do fluxo de caixa, colocar as contas em dia e prever possíveis endividamentos.

Isso porque, o software tem inúmeras funções e facilidades para orientar o empreendedor acerca do seu negócio, como emitir alertas de vencimento, calcular a entrada e saída de dinheiro, e outros.

Além disso, o sistema permite acompanhar o andamento do negócio através de relatórios e dados específicos que contribuem para tomada de decisão e desenvolvimento da empresa.

 

Conte com a Talst para gestão financeira da sua empresa!

Estabelecer medidas preventivas para sua empresa ajuda a evitar e reduzir a inadimplência de forma segura e sem comprometer os resultados do negócio.

Para isso, conte com a Talst Contabilidade para manter o controle de gastos, organizar a contabilidade e garantir mais oportunidades de negócio.

Aqui, nosso foco é o relacionamento com o cliente, para entender as necessidades e propor soluções que agreguem valor à empresa.

Da mesma forma, utilizamos a tecnologia para reduzir a burocracia, os riscos e garantir que a sua experiência seja sempre positiva.

Entre em contato com nossos especialistas e conheça nossas facilidades!