fbpx
Compartilhe :

Como abrir uma empresa de prestação de serviços?

Muitos empreendedores têm como meta abrir uma empresa de prestação de serviços para realizar o sonho de ter seu próprio negócio.

Embora o processo não seja fácil devido à burocracia, formalizar uma empresa é importante para atuar segundo a legislação e evitar prejuízos.

Apesar disso, é importante saber que começar um negócio é uma grande oportunidade, porque as empresas têm um papel fundamental para a economia.

Além disso, as empresas prestadoras de serviço representam cerca de 70% do PIB. Sendo assim, existem inúmeras possibilidades para investir na área.

Neste artigo da Talst, você vai descobrir todos os passos para abrir um CNPJ. Continue a leitura do texto para saber mais.

Como abrir uma empresa de prestação de serviços?

O primeiro passo para abrir uma empresa de prestação de serviços é contar com a ajuda de uma contabilidade que entende do assunto.

Isso porque o contador está a par da legislação e pode orientar sobre as particularidades da área e tornar o processo menos burocrático

Por exemplo, a Talst Contabilidade é especialista em abertura de CNPJ. Nossos profissionais orientam sobre as melhores práticas para a tomada de decisão assertiva.

Agora, o próximo passo é escolher o segmento que irá atuar, em seguida definir as atividades econômicas (CNAE) do negócio.

Tenha em mente que essas atividades são compostas por uma atividade principal e as secundárias, obrigatórias para abertura do CNPJ.

Porte de empresa

Para abertura de empresa de prestação de serviço, é fundamental o empreendedor escolher o tipo de empresa que irá abrir.

Contudo, conforme a empresa for crescendo é possível mudar o tipo de negócio. Microempresa (ME) para negócios que faturam até R$360 mil por ano e que desejam ter sócios.

A Empresa de Pequeno Porte (EPP) é ideal para quem tem um limite de faturamento maior, entre R$360 mil a R$4,8 milhões anuais.

Ademais, é possível o empreendedor escolher a opção MEI, em que o faturamento é de até R$81 mil por ano, recolher um tributo mensal e não pode ter sócios.

Regime de tributação

Outro fator que é fundamental é definir o regime tributário, isto é, o valor do imposto que a empresa de prestação de serviços irá pagar.

Para isso é importante obter a orientação de um contador, visto que ao escolher um regime tributário vantajoso, é possível economizar no pagamento e pagar de forma correta.

Deste modo, conheça quais são os principais regimes tributários vigentes no país.

Simples Nacional: voltado para micro e pequenas empresas. O regime é simplificado, já que une 8 tributos em uma única guia – DAS.

Para a empresa se enquadrar nesse regime, é importante ter um faturamento anual de R$4,8 milhões e nem todas as categorias profissionais podem se enquadrar.

Lucro Presumido: ideal para empresas com faturamento anual de até R$78 milhões ao ano. Diferente do Simples Nacional, neste regime é necessário emitir cinco guias para o pagamento dos impostos.

Além disso, as alíquotas variam entre 12,33% e 16,33%, calculada em cima de um percentual presumido da receita bruta da empresa.

Lucro Real: neste regime apenas empresas com faturamento anual acima de R$78 milhões no ano podem optar pelo Lucro Real.

Logo, os impostos IRPJ e CSLL são calculados em cima do valor que a empresa realmente lucrou, por esse motivo, é fundamental ter um acompanhamento preciso das finanças.

Natureza Jurídica

É importante saber que definir a Natureza Jurídica é importante, uma vez que determina o tratamento legal da empresa e quais leis são aplicáveis.

Ou seja, a partir da escolha da natureza jurídica, é possível saber o valor do capital inicial necessário e se haverá sócios ou não.

As principais modalidades que existem são as empresas individuais EI, EIRELI e SLU.

● Empresário Individual (EI), Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (EIRELI) e Sociedade Limitada Unipessoal (SLU).

Nessas naturezas jurídicas não é necessário ter sócios, no entanto, cada uma tem suas regras e limite de faturamento anual, atividades econômicas permitidas e se há separação de bens da empresa e pessoais.

Já as empresas de prestação de serviços em sociedades como: LTDA, SS e S.A, é possível optar pelos sócios.

● Sociedade Limitada (LTDA); Sociedade Simples (SS) e Sociedade Anônima (S.A).

Cada uma dessas categorias separa a pessoa física da jurídica, o que evita comprometer caso o empreendedor e sócios contraiam dívidas.

Contrato Social

Após escolher o porte da empresa, natureza jurídica e o regime tributário, é fundamental registrar essas informações no Contrato Social.

Este documento é como se fosse uma certidão da empresa, em que constará todas as informações do negócio e dos sócios e outras informações importantes.

Contar com a ajuda de um contador ou advogado para fazer este documento é muito importante para evitar erros e retrabalhos.

Registro da Junta Comercial

O próximo passo para abrir uma empresa de prestação de serviço, é registrar o contrato social na Junta Comercial para obter número de CNPJ.

Entretanto, a única modalidade que não precisa elaborar este contrato é o MEI, o profissional pode realizar seu cadastro online pelo Portal do Empreendedor.

Inscrição Municipal

A Inscrição Municipal é importante para todas as empresas de prestação de serviços, isso porque a cobrança do tributo ISS (Imposto Sobre Serviços) é de competência da Prefeitura.

Ademais, em algumas cidades é permitido a abertura de empresas prestadoras de serviço com o endereço residencial, diferente de comerciantes que devem ter um endereço comercial.

Alvará e licenças de funcionamento

O último passo para abrir uma empresa de prestação de serviço é solicitar o alvará e licenças de funcionamento, que em alguns casos é necessário.

Todavia, com a promulgação da Lei da liberdade econômica, empresas que exercem atividades de baixo risco não precisam dessas certidões para iniciar os negócios.

Abra sua empresa com a Talst Contabilidade

Agora que você já sabe quais são os passos para abertura de empresa de prestação de serviço, também deve saber que pode contar com a Talst para dar o primeiro passo.

Nossos profissionais são especialistas qualificados na abertura de CNPJ, além disso, com a Talst você tem mais economia, redução de burocracia e muitas facilidades.

Durante todo o processo de abertura, você receberá orientação para ficar por dentro de todas as exigências legais, desde a escolha da atividade econômica até a emissão do alvará de funcionamento.

Entenda mais sobre as nossas soluções e descubra como a Talst Contabilidade pode ajudar na abertura do seu CNPJ. Fale com nossos especialistas.