em Artigos

Em meio a um cenário dominado por grandes bancos e suas grandes tarifas e burocracias, surge uma empresa oferecendo um cartão de crédito sem taxas de anuidade e totalmente gerenciado por meio de um aplicativo móvel. Hoje vamos contar um pouco mais sobre a história do Nubank para te incentivar e inspirar para o mundo empreendedor.

Nubank é uma startup brasileira, fundada em 2013 por David Vélez e pioneira no segmento de serviços financeiros.

A criação da Nubank é ligada a forte vontade do colombiano David Vélez de criar sua própria startup. Graduado na Universidade de Stanford, e com passagens em bancos de investimentos renomados, como Goldman Sachs e Morgan Stanley, Vélez, em conjunto com Cristina Junqueira e Edward Wible, fundou a Nubank.

Em 2014, a empresa lançou o seu primeiro produto, um cartão de crédito internacional com a bandeira Mastercard, sem anuidade e completamente gerenciado por meio de um aplicativo, sendo assim totalmente digital!

Em março de 2016, o Nubank anunciou que estava preparando um programa de pontos próprio. O Nubank Rewards consiste num programa de benefícios do cartão Nubank. Com ele, cada R$ 1 gasto equivale a 1 ponto acumulado. Os pontos nunca expiram e podem ser usados para eliminar da fatura gastos com restaurantes, passagens aéreas, hospedagem e também com uma série de serviços parceiros.

Em 2017, a Nubank também lançou seu programa de benefícios, o Nubank Rewards, e a NuConta, conta digital que já é usada por mais de 12 milhões de brasileiros.

A empresa já recebeu investimentos por cerca de US$ 420 milhões em sete rodadas. Graças a esse rápido crescimento, o valor de mercado aproximado da startup alcançou US$ 4 bilhões. Em 2019, a startup iniciou sua expansão na América Latina, primeiro para o México, e, em junho também para a Argentina. Neste mesmo ano, a Nubank foi eleita a empresa mais inovadora da América Latina pela revista “Fast Company”.

Todos os produtos da Nubank podem ser completamente controlados por um aplicativo, que dá total autonomia para que os clientes resolverem tudo o que precisam pelo celular. Como por exemplo, acompanhar compras em tempo real, bloquear e desbloquear cartão, pedir aumento de limite, transferir dinheiro, checar e usar os pontos acumulados, e muito mais!

Os fundadores da startup mantiveram cargos de liderança na empresa, e hoje ocupam respectivamente as posições de:

– David Vélez: CEO
– Edward Wible: CTO
– Cristina Junqueira: vice-presidenta da startup

Assim como o fundador, boa parte do quadro de funcionários do Nubank são estrangeiros. O banco tem colaboradores com mais de 25 nacionalidades, entre eles mexicanos, indianos, canadenses, australianos, americanos e holandeses. Além disso, segundo a própria empresa
– cerca de 30% da equipe faz parte da comunidade LGBTQ;
– cerca de 40% são mulheres.

O atendimento da empresa é uma missão muito importante para todos lá. Como eles dizem “Mais do que resolver problemas, nosso time tem como missão oferecer o melhor atendimento do mundo!”. Eles possuem uma equipe disponível 24 horas por dia para conversar por chat, telefone, e-mail ou redes sociais.

Além de eficiente, eles acreditam que um atendimento precisa respeitar o cliente:  “Sabemos que ninguém gosta de perder tempo resolvendo problemas, por isso fazemos de tudo para que esse momento de interação com nossa equipe seja uma experiência boa! É por levar a sério a nossa missão de encantar pessoas que o Nubank virou exemplo de como as empresas devem tratar os seus clientes.”.

Como o Nubank não possui anuidade, muitas pessoas perguntam como eles ganham dinheiro. Como eles usam canais 100% digitais, eles conseguem reduzir a burocracia e a papelada ao máximo para repassar essas economias aos clientes. Além disso eles ganham dinheiro de duas formas:
– Quando o cliente realiza uma compra com o cartão, eles recebem do estabelecimento, através da bandeira Mastercard, um pequeno percentual desse valor.
– Quando o cliente escolhe financiar parte ou o total do valor da sua fatura, recebem o juros, mesmo que abaixo do mercado, sobre o valor que foi financiado.

Será que é confiável ter uma conta no Nubank? Confira alguns pontos que podem fazer você tomar essa decisão:
– O Nubank cumpre todas as leis, normas e regulamentos que controlam as instituições financeiras no Brasil.
– Todas as nossas atividades são reportadas e monitoradas pelo Banco Central.
– Alguns dos maiores fundos de investimento do mundo também já investiram no Nubank – como Sequoia Capital, Kaszek Ventures, Tiger Global Management, QED Investors, Founders Fund, DST Global, Redpoint Ventures, Ribbit Capital, Dragoneer Investment Group, Thrive Capital e Tencent.

Confira um vídeo feito pela Nubank com a história deles e conheça os fundadores:

Você já conhecia a empresa ou a história dela? Se você gostou desse conteúdo compartilhe com seus amigos!

Deixe nos comentários se você já possui um cartão na Nubank e o que acha.

Se precisar de uma ajuda com a sua empresa para organizar os assuntos contábeis, conte com a Talst! 💙

Postagens Recentes
Arquivo Morto: tudo o que você precisa saber!
Open chat
Precisa de ajuda?